Correção dos CONVITEs : 2 || Roda de Conversa C U L T U R A | C A P I T A L I S M O C O G N I T I V O | P R O D U Ç Ã O E P R E C A R I E D A D E encerramento Trilogia da gentrificação | Sábado dia 21.09 as 15hs (correspondencia não entregue retornou ao remetente)

O trabalho Prestação de Conta expõe publicamente as dificuldades das produções culturais deste momento. E não apenas. O selo APIC! de Lucia Maria Cattani e Nick Rands foi um trabalho feito em 2001. Em 2012 ao repassar o arquivo do selo por um amigo (o mesmo que repassou por mim) Lucia Maria Cattani escrevia: “Fico feliz de sabe que terás exposição (mas infeliz de saber que ainda precisamos usar o selo APIC!)”.
O texto foi escrito em 2001”. Estamos em 2019 e ainda temos a necessidade de usar este selo.
Acredito na importância de oferecer ao público a possibilidade de ver a realidade por deatrás da criação dessas experiências, tirá-las um pouco da áurea da beleza, só.
 
Queria convidar você por se juntar a uma roda de conversa sobre estes temas para compartilhar um pouco o desconforto que – talvez – nós acompanha e que, ao observar o trabalho “Famous Artists shirt“, camisetas desenvolvidas pela artista Camilla Braga, e ao ler o “Manifesto pela Diminuição da Jornada de Trabalho” do artista Daniel Santiso, parece acompanhar diferentes gerações de ‘trabalhadores das artes’ espalhados por diferentes partes do mundo. Em julho de 2011 um coletivo chamado “Lavoratori dell’Arte” (Trabalhadores das Artes) assina em Roma, mas com difusão em todo o território nacional, um documento de critica à gestão da cultura e das profissões artístico culturais por parte das instituições do governo italiano, estava entre as/os muita/os signatária/os do documento.
Também gostaria convidar experiencias de produção cultural, das periferias e não, que apesar de não ter apoio institucional publico mesmo assim, nunca pararam de produzir cultura. Faz diferencia por elas este dramático corte ? Como se organizam?
Não vai ter mesa mas uma roda de conversa aonde toda/os poderão se sentir a vontade de trazer a própria experiência.
A conversa encerra a exposição Trilogia da Gentrificação
 
 
 

SABADO 21 SETEMBRO 2019 | 15-18 horas | terá visita guiada da expo entre 14/15

 
GALERIA 5, CENTRO MUNICIPAL DE ARTE HELIO OITICICA
 
RUA LUIS DOS CAMÕES, PRAÇA TIRADENTES, 68 
 
Publicado por em 19 de setembro de 2019.